Juazeiro do Norte terá investimentos de mais de R$ 40 milhões, com instalação da Carajás Home Center

Publicado em 11 de agosto de 2017.

Serão gerados cerca de 650 novos postos de trabalho, com 500 empregos diretos e 150 indiretos

Com perspectivas de investimentos de mais de R$ 40 milhões e geração de 500 empregos diretos e 150 indiretos, deverá ser instalada até o mês de março de 2018, em Juazeiro do Norte, empresa de grupo empresarial alagoano, a Carajás Home Center. Empresários do grupo estiveram reunidos na quarta-feira, com o Prefeito Municipal de Juazeiro do Norte, Arnon Bezerra, a Secretária de Desenvolvimento Social e Trabalho, Isabela Bezerra, o Chefe de Gabinete, Nildo Rodrigues, o Procurador do Município, Bernardo Oliveira, e a Vereadora Auricélia Bezerra. O encontro aconteceu no Gabinete do Prefeito.

Os empresários explanaram sobre o interesse de se instalarem na cidade, com o grande empreendimento, destacando potencial de Juazeiro do Norte, e ouviram do Prefeito o apoio necessário. O grupo atua no mercado há mais de quatro décadas e tem se destacado com seus empreendimentos em grandes cidades da Paraíba, como Campina Grande e a Capital, João Pessoa, além de Maceió e Arapiraca, em Alagoas.

Com um dos maiores home centers do Brasil, a empresa trabalha com mais de 55 mil itens, incluindo materiais relacionados à construção civil. Com o objetivo de também se expandir no Ceará, a Carajás Home Center entra por Juazeiro do Norte, que apresenta grande potencial de desenvolvimento. Os empresários já chegaram a visitar várias áreas para iniciarem a construção do empreendimento, e escolheram local próximo aos empreendimentos atacadistas já instalados na cidade, no bairro Triângulo.

Itens como equipamentos eletroeletrônicos, utilidades, pisos, revestimentos, tintas, material elétrico, móveis e artigos para casa, estão inseridos no rol de produtos a serem ofertados pela empresa. Bastante empolgados com a perspectiva de instalação em breve, os empresários destacaram a importância da instalação do empreendimento para a Região. O grupo familiar emprega mais de 2.500 pessoas nos estados de Alagoas e Paraíba.